Movida não ficou parada durante a crise e ações devem refletir isso

O BTG aproveitou o momento para atualizar as estimativas para as ações em 12 meses de R$ 15 para R$ 18 

Movida  não ficou parada durante a crise econômica gerada pela pandemia do coronavírus e suas ações devem começar a refletir isso. A empresa esteve reunida com analistas na sexta-feira (12) e revelou as suas estratégias para enfrentar as condições adversas no mercado.

BTG Pactual esteve no encontro e ressaltou que a locadora de veículos continuou a observar evolução nos preços e volumes do segmento de aluguel de veículos desde abril, o que confirma que o pior está para trás.

“Os impactos na gestão de frotas foram muito limitados e a empresa está focada em ganhar penetração no segmento de pequeno e médio porte. Além disso, a parte de Seminovos está passando por uma migração estrutural em direção a uma plataforma de negócios digitais, a ser mantida no pós-crise”, destaca o analista Lucas Marquiori.

Ele aproveitou o momento para atualizar as estimativas para as ações em 12 meses de R$ 15 para R$ 18. O valor corresponde a um potencial de valorização de 39%.

FONTE: MONEYTIMES

Translate »
WhatsApp chat