Empresa possibilita que motoristas tenham o seu próprio app de transporte

Driver Machine é opção para quem está cansado de pagar altas taxas para os aplicativos de transporte privado

O transporte feito com motoristas particulares por meio de aplicativos está cada vez mais popular em todo o mundo. No Brasil, esse novo modelo de locomoção chegou em 2014 e desde então acumulou um enorme número de adeptos dos dois lados, tanto de quem oferece o serviço quanto de quem usufrui. Um dos apps mais conhecidos neste segmento acumula sozinho mais de 500 mil motoristas cadastrados e mais de 20 milhões de usuários ativos.

Muitas pessoas viram no seu próprio carro uma oportunidade para fechar as contas no final do mês. Porém, começaram a surgir reclamações de vários motoristas desses aplicativos por conta da alta porcentagem que é cobrada deles por cada corrida, que pode chegar a até 25%.

Incomodada com a situação, Joseli Lopes, de Londrina, no Paraná, resolveu criar o seu próprio aplicativo e junto com outros investidores encontrou na Machine a possibilidade de desenvolver o próprio app. No dia 7 de setembro de 2017 surgiu a Coolt (Cooperativa Londrina de Transporte) e poucos meses depois, em fevereiro de 2018, começaram a utilizar o aplicativo desenvolvido pela Driver Machine. Hoje eles possuem uma média de 500 parceiros motoristas e mais de 200 mototaxistas. “Nós temos um plano de expansão da marca Coolt. A aceitação das pessoas é muito boa. Os clientes sabem que os resultados que obtemos, nós investimos na região, fazendo com que a economia também se desenvolva”, comenta a administradora da Coolt, Joseli Lopes.

Foi pensando em atender pessoas como a Joseli, que a Machine desenvolveu a Driver Machine, um produto para que motoristas pudessem criar e gerenciar seus próprios aplicativos. “Temos o propósito de fornecer tecnologia de ponta para colocar novos empreendedores no mesmo patamar de aplicativos de transporte existentes no mercado. Oferecemos uma plataforma eficiente, com navegação intuitiva, além de ser leve e fácil de utilizar”, diz o sócio-executivo da Machine, Bruno Muniz.

Aempresa, que tem sede no Rio de Janeiro, é especializada no desenvolvimento de apps de transporte. Além do produto para motoristas particulares, a empresa tem outros dois produtos destinados a taxistas e mototaxistas. Com mais de 400 apps, a Machine é hoje a empresa brasileira com mais aplicativos publicados na Play Store.

As vantagens do Driver Machine estão justamente no foco do empreendedor. “A diferença de usar um aplicativo de transporte regional em relação aos grandes players do mercado está justamente nos detalhes. O passageiro tem um atendimento mais personalizado do motorista que conhece as particularidades da região que atua e evita zonas consideradas de risco e tem o serviço de uma central de ajuda humanizada para resolução de problemas dos motoristas. O aplicativo regional apresenta ainda a possibilidade de fazer parcerias locais para oferecer descontos e vantagens, a segurança de conhecer motoristas que atuam na mesma região do passageiro e ainda o preço ajustado de acordo com a realidade regional. Para os motoristas a grande vantagem é se livrar de taxas altas aplicadas pelos aplicativos de transporte multinacionais e poder obter mais lucros, obtendo um faturamento maior”, explica Muniz.

Para a administradora da Coolt, Joseli Lopes, entre as vantagens que o aplicativo oferece é o fato de ser mais barato que o concorrente e com menos taxas cobradas, o que faz com que o motorista também ganhe mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »