Redução de vida útil de veículos pode proporcionar à Localiza ganhos tributários

Avaliação é do Bank of America que destaca ainda que alteração pode levar a um aumento de 6% a 7% na margem Ebitda

 

A revisão de vida útil dos veículos do segmento de aluguel da Localiza, que pode passar de 48 para 24 meses de acordo com uma avaliação técnica, pode resultar em maiores ganhos tributários para a companhia e para o setor como um todo. A análise é do Bank of America.

De acordo com o BofA, o segmento de aluguel de automóveis paga o equivalente a 9,25% do valor de avaliação do veículo em tributos de PIS e Cofins.

Por outro lado, as companhias têm direito aos mesmos 9,25% em créditos tributários nas despesas de depreciação do veículo.

Com isso, a Localiza pode reduzir de 4 para 2 anos o período de depreciação fiscal, dobrando os créditos arrecadados por veículo.

Os analistas Murilo Freiberger e Gustavo Tasso apontam que a alteração pode levar a um aumento de 6% a 7% na margem Ebitda do segmento. Embora os custos tendam a ser repassados pelo menos parcialmente aos consumidores, um eventual ganho de margem permanente pode melhorar as perspectivas para a companhia.

“A Localiza foi a primeira companhia do setor a incorporar o novo entendimento, mas esperamos que os pares sigam o movimento, apesar das incertezas de quando isso ocorreria”, afirmam os analistas.

A recomendação do BofA para os papéis ordinários da Localiza é de compra, com preço-alvo de R$ 68.

Vida útil de veículos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
WhatsApp chat