XP prevê valorização para as ações da Localiza (RENT3), Movida (MOVI3) e Unidas (LCAM3) e recomenda compra

A XP investimentos atualizou, nesta quarta-feira (17), sua cobertura do setor de aluguel de carros no Brasil com recomendações de compra para a Localiza, Movida e Unidas.

 

A XP atribuiu preço-alvo de R$ 68 por ação da Localiza (RENT3), o que representa uma valorização potencial de 32%. O preço-alvo projetado para a Movida (MOVI3) foi de R$ 26 por papel, possível alta de 52%, enquanto o preço-alvo para as ações da Unidas (LCAM3) ficou em R$ 36, uma valorização potencial de 56%.

Em relatório assinado por Pedro Bruno, Gabriela Ferrante e Lucas Laghi, a XP explica que a atualização ocorre após “resultados recentes positivos”.

“Depois de incorporar fortes resultados recentes, estamos aumentando as nossas estimativas operacionais para o médio e longo prazo, com EBITDA mais alto em 9,30% para a Localiza e Unidas e 66% maior para a Movida em 2023″, apontam os analistas.

O relatório destaca alguns pontos dos resultados das locadoras no terceiro trimestre deste ano. E cita o “desempenho impressionante de receita no Rent-a-Car (RaC)” e bons resultados operacionais.

A XP diz que “nossa visão positiva do setor está reiterada” e relaciona estes pontos:
  • sólidos fundamentos do setor que suportam a demanda saudável por RaC e aluguel de frotas;
  • o forte impulso do Seminovos deve persistir até 2022;
  • apesar do desafio imposto pelos preços mais altos de carros novos (exigindo tarifas de aluguel mais altas), esperamos uma normalização suave da atual escassez de fornecimento da indústria automobilística. Projetamos um crescimento de lucro líquido médio anual de 25% entre 2019 e 2023.

Entre julho e setembro, a Localiza lucrou R$ 671,4 milhões. Avanço de 106,3% na comparação anual. Ao mesmo tempo, sua receita líquida somou R$ 2,77 bilhões, queda de 9,6%.

Movida

Já a Movida registrou um lucro líquido de R$ 259,4 milhões, no terceiro trimestre. Valor sete vezes maior do que o apurado um ano antes. Por sua vez, a receita somou R$ 1,575 bilhão, avanço de 52,1%.

Unidas

A Unidas lucrou R$ 106,1 milhões no terceiro trimestre, um salto de 164,5%. Enquanto sua receita ao final de setembro somou R$ 860 milhões, queda de 27,1%.

Em relação ao aumento de preços, a XP aponta que os resultados do trimestre encerrado em setembro mostram um “sinal positivo”. A tendência liderada pela Localiza está acontecendo de forma ampla no setor. Os analistas também comentam sobre o setor de seminovos e apontam que segue positivo em todo o setor. Destacando a continuação do forte desempenho nas vendas de carros usados.

A XP projeta que os bons resultados do seminovos devem continuar ao longo do ano que vem. E lembra que “as empresas indicaram que a crise em curso de escassez no fornecimento de automóveis, que pressiona os preços dos automóveis, deve persistir até o final de 2022.”

Além disso, os analistas acreditam que “a atual crise de escassez no fornecimento de automóveis criou uma oportunidade de valuation no setor. Já que os múltiplos atuais são negociados abaixo da média histórica mais recente. E esperamos que os spreads de ROIC persistam.”

Cotação da Localiza; Unidas e Movida

Por volta das 17h20 desta quarta-feira, a ação da Movida (MOVI3) operava em alta de 0,77%, valendo R$ 16,86. Ao mesmo tempo, a ação da Unidas (LCAM3) estava sendo negociada com queda de 2,74%, cotada a R$ 22,66.

Já a ação da Localiza (RENT3) operava em alta de 0,81%, valendo R$ 51,30.

 

Localiza, Movida e Unidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
WhatsApp chat