Embora pequena, aquisição da Vox Frotas pela Movida pode ascender ação em 25%

O ditado “tamanho não é documento” encaixa-se perfeitamente com o argumento feito pelo BTG Pactual (BPAC11) sobre o processo de aquisição da Vox Frotas iniciado pela Movida (MOVI3), de acordo com fato relevante divulgado neste domingo (17).

“Embora pequena, vemos a aquisição como altamente assertiva, reforçando nossa postura positiva em relação na ação da Movida. Também é interessante ver a companhia retomando o crescimento inorgânico quatro anos depois de seu último negócio — quando adquiriu outro player premium de frota em 2017″, destacam os analistas Lucas Marquiori, Fernanda Recchia e Ricardo Cavalieri, que assinam o relatório do banco.

A Movida anunciou a aquisição da Vox Frotas por R$ 89 milhões de valor, sendo que gestora de frotas brasileira detém um capital diversificado de 1.800 carros distribuídos em 57 clientes.

A frota da Vox possui um amplo portfólio, que vai de carros de luxo (Audi e BMW), a veículos leves de carga (ou seja, Fiorino) e automóveis leves de passageiros (ou seja, Onix).

O trio de analistas recordaram que a Vox negociou uma combinação de negócios com a Maestro Frotas no ano passado, mas as empresas decidiram seguir caminhos separados em novembro, com a interrupção do processo de listagem da Maestro.

Agora voltando a intenção de compra da Movida, os três especialistas do BTG são categóricos:

“Por ser um negócio pequeno, não esperamos restrições das autoridades antitruste, então a movimentação dá à Movida uma via de crescimento interessante em um momento de escassez de oferta de veículos no Brasil“.

Veja a seguir a  recomendação do BTG para as ações da Movida até o final de 2021:

Empresa Ticker Recomendação Preço-alvo (R$) Valorização (%)
Movida MOVI3 Compra 25 25

Fonte: https://www.moneytimes.com.br/embora-pequena-aquisicao-da-vox-frotas-pela-movida-pode-ascender-acao-em-25/

Translate »
WhatsApp chat