Grupo Vamos (VAMO3) tem alta de 42,4% no lucro líquido do 2T22

O Grupo Vamos (VAMO3) divulgou na última quinta-feira, 28, os resultados do segundo trimestre de 2022. O maior gerador de Ebitda para a companhia foi o setor de locação, que foi responsável por 85,8% de todo o valor.

 

O Grupo Vamos atua no ramo de aluguel de caminhões, ônibus, máquinas e equipamentos agrícolas, e conta com uma frota de quase 34 mil ativos.

O lucro líquido registrado pela companhia entre os meses de abril e junho foi de R$ 142,5 milhões, mostrando um crescimento de 42,4% em comparação com o mesmo trimestre em 2021.

“No 2T22 atingimos a marca recorde de R$142,5 milhões de lucro líquido, 42,4% maior em relação ao 2T21 e na comparação semestral, o 1S22 teve um crescimento de 52,6% em relação ao 1S21. Esse resultado é decorrente do forte crescimento orgânico nos principais segmentos de negócio com muito foco e disciplina na execução”, explicou o CEO do Grupo Vamos, Gustavo Couto

A receita líquida do Grupo Vamos também teve um aumento expressivo de 80,1% na comparação ano a ano, registrando um total de R$ 1,19 bilhão no segundo trimestre de 2022.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) da companhia no último trimestre aumentou em 77,5% se comparado com o segundo trimestre de 2021, um total de R$ 450,4 milhões.

O maior gerador de Ebitda para a companhia foi o setor de locação, que foi responsável por 85,8% de todo o valor.

“Esse resultado foi um recorde, mas está com os dias contados. Em 90 dias teremos um novo patamar de rentabilidade ainda maior”, brincou Couto em entrevista à EXAME.

Segundo o executivo, os números do segundo trimestre do ano demostram uma capacidade de crescimento com rentabilidade da empresa.

Outro destaque levantado no relatório do Grupo Vamos foram os R$ 1,525 bilhão em CAPEX (sigla em inglês para despesas de capital) contratado, uma alta de 67,2% na comparação com o segundo trimestre do ano passado.

E além do CAPEX contratado, o CAPEX implantado da companhia também foi destaque. O valor registrado foi o maior da companhia até o momento, R$ 1,160 bilhão, mostrando uma alta de 119,7% em relação ao mesmo trimestre no ano passado.

“Dada a sazonalidade de nosso negócio de locação, sabemos que o 1º trimestre de cada ano costuma ser naturalmente mais forte no volume de CAPEX contratado. No entanto, repetimos o mesmo ritmo no 2T22 com o volume de R$1,525 bilhão de CAPEX contratado, 67% maior que o volume do 2T21”, disse Couto.

Entre os setores que mais cresceram está o agronegócio, onde a empresa está se concentran

do, abrindo lojas nas regiões do Centro-Oeste do Brasil.

Inteligência em compras evitou problemas com inflação, diz CEO

Questionado sobre uma possível alta dos preços por causa da inflação, Couto disse que a Vamos não está sofrendo com esse cenário pois antecipou as compras de equipamentos, evitando a subida repentina dos preços.

“Formamos um estoque produtos disponíveis para locação e hoje temos R$ 1,8 bilhão disponível em estoque que já garantem um aluguel para os próximos meses. Temos um backlog de receita de R$ 3 bilhões em ativos dentro de casa”, explicou Couto.

Produção do Grupo Vamos (VAMO3) no 2T22

O Grupo Vamos encerrou o segundo trimestre com uma frota de 33.940 veículos, dois quais 27.234 são caminhões e o restante composto por máquinas e equipamentos. O crescimento da frota da companhia foi de 84,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Além disso, a locadora de veículos pesados traz um aumento na sua carteira de clientes.

“Avançamos ainda mais na ampliação da nossa carteira de clientes e setores de atuação da economia através do aumento e amadurecimento de nossa equipe comercial com mais abrangência e capilaridade. Assinamos 598 novos contratos no segundo trimestre, totalizando 1.995 contratos ao final do 2T22 (vs 1.083 ao final do 2T21)”, informou a empresa no relatório de resultados.

A companhia também aponta momentos importantes que ocorreram no segundo trimestre de 2022, como a conclusão da aquisição da Truckvan, produtora e customizadora de implementos rodoviários para veículos pesados no início do mês de julho.

Além disso, o Grupo Vamos também abriu a maior concessionária de de máquinas agrícolas da marca FENDT das Américas.

Fonte: exame.com

Grupo Vamos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
WhatsApp chat